Início
Sábado, 25 Maio 2019
Godinho Lopes: «Isto mostra bem o clube eclético» PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Sexta, 13 Abril 2012 14:14

120412_sporting"Isto mostra o ecletismo do Sporting" - foi desta forma, entusiasmado com as "performances" e com os cometimentos das equipas de futebol, futsal e andebol (todas elas nas meias-finais das diferentes provas europeias), que o presidente leonino sintetizou o momento histórico do clube. Orgulhoso, Godinho Lopes confia que o sucesso seja um denominador comum às três modalidades em alta e desde já promete estar presente nos jogos das meias-finais, exceção feita à do futsal.

"O facto de os jogos serem em três dias seguidos não impede que vá apoiar o andebol no Casal Vistoso e o futebol em Bilbau. Não estarei na meia-final do futsal, porque haverá reunião do Conselho Leonino (dia 23), assembleia geral do Sporting (dia 24) e assembleia geral da SAD (dia 27).

Não poderei comparecer, mas desafio o João Benedito a conquistar um lugar na final da UEFA Cup para eu poder estar em Lérida", desejou o líder dos leões, dirigindo-se especificamente a um dos capitães presentes no auditório Joaquim Agostinho, em Alvalade.

 

Godinho Lopes também teve uma palavra para a equipa feminina de atletismo, que vai disputar a final da Liga dos Campeões Europeus: "Nesta conferência de Imprensa, poderíamos ter juntado o atletismo, em femininos. No entanto, como vai disputar já a final, e como esta ação envolve as equipas que vão disputar as meias-finais, apenas participaram o andebol, futebol e futsal. Mas é igualmente uma modalidade muito representativa; ela revela bem a força do Sporting."

 

Futsal quer desforra

 

Pela segunda época consecutiva, o Sporting está na final-four da UEFA Futsal Cup, que este ano se disputa em Lérida, de 27 a 29 de abril, com os leões a enfrentarem o Barcelona nas "meias", enquanto Dínamo de Moscovo e Marca Futsal (orientado pelo português Tiago Polido) discutem a outra vaga no encontro de atribuição do troféu. Na temporada passada, a equipa verde e branca foi derrotada na final pelo Montesilvano. O capitão João Benedito confessa que esse jogo ainda lhe está atravessado. "Depois de perder uma vez, ganha-se ainda mais vontade de vencer a próxima", ressalvou. Aos adeptos que vão a Bilbau, pede-lhes que deem um pulo a Lérida para ajudar a equipa de futsal.

 

Andebol sabe vencer

 

A 29 de maio de 2010, o Sporting fez história no andebol português batendo os polacos do MMTS Kwidzyn na final (a duas mãos) da Taça Challenge e tornando-se na primeira e única formação lusa a vencer uma competição europeia na modalidade. "Todos fizemos história. Foi uma tarde inesquecível. Eram mais de cinco mil pessoas num pavilhão com capacidade para três mil, em Almada. Muitas não tinham lugar, mas deitaram-se em varandins só para nos poderem apoiar", recordou o capitão Ricardo Dias, esperando igual vaga de apoio na primeira mão da meia-final que os leões vão disputar com os suíços do Wacker Thun. É já no dia 21 de abril, no Casal Vistoso.

 

Carriço: "A final europeia é a nossa meta"

 

O futebol é o principal motor do momento histórico que o Sporting vive, fruto da campanha na Liga Europa, mas não é o único. Os desempenhos do futsal e do andebol completam o quadro de proeza nunca visto em Alvalade: pela primeira vez em quase 106 anos de existência, o clube está nas meias-finais de competições europeias em três modalidades diferentes - e nenhuma das equipas admite outra hipótese que não seja a de qualificação para a final das respetivas provas. A começar pelo futebol profissional, que, como assinalou o capitão Daniel Carriço, pretende "elevar o nome do Sporting na Europa". "Não queremos ficar por aqui", vincou o central adaptado a trinco, que ontem falou aos jornalistas ao lado dos capitães das equipas de futsal e de andebol, numa conferência de Imprensa convocada pelo presidente leonino, Godinho Lopes, com o propósito de assinalar a façanha inédita.

Embora reconhecendo que o Atlético de Bilbau será um adversário duro de roer, Carriço enfatizou a vontade do grupo liderado por Sá Pinto de dobrar os bascos e atingir a final da Liga Europa, agendada para o dia 9 de maio em Bucareste. "Vamos entrar com a máxima ambição nas meias-finais e tentar elevar o nome do clube na Europa. Queremos conquistar a final que os nossos adeptos tanto ambicionam", sublinhou.

Recuperados do desgaste físico e das emoções vividas no dérbi ganho ao Benfica na última segunda-feira, os jogadores do Sporting já estão totalmente concentrados no primeiro encontro com o Bilbau de Marcelo Bielsa, marcado para o dia 19 de abril. Nesta etapa, o plantel aprofunda o conhecimento sobre o adversário e prepara estratégias para surpreender o rival espanhol. "Sabemos o que o Bilbau tem feito na Europa. Tem uma equipa fortíssima, com bons jogadores, mas a nossa arma tem sido o nosso espírito de luta. A nossa equipa está muito unida", afiançou Carriço, ressalvando a motivação dentro do balneário. "A confiança está no máximo. Queremos levar o Sporting ao mais alto patamar europeu", disse o camisola três, crente de que no dia 26, após a segunda mão no San Mamés, os leões terão todos os motivos para festejar o terceiro apuramento para uma final da UEFA.

 

In ojogo.pt


Ítems Relacionados:

 

Escolher Campeonato

header_wikisporting